Voltar para Página Home

Notícias
Notícias Gerais

Segundo concerto acessível da Osesp na Sala São Paulo tem jovem solista de 16 anos


No próximo dia 21, domingo, a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, a Osesp, fará mais um espetáculo na Sala São Paulo com recursos de acessibilidade para pessoas com deficiência! O concerto acessível contará com obras bastante conhecidas, tendo como solista um dos cinco talentos premiados no Concurso Jovens Solistas da Osesp realizado no início deste ano.
 

Haverá audiodescrição do local e do concerto, que começa pontualmente às 11 horas. A entrada é gratuita e extensiva ao acompanhante, mas é preciso reservar os ingressos até às 16 horas do dia 19 (sexta-feira). Para garantir o seu, envie um e-mail para comunicacao@md.org.br com nome completo, CPF e telefone para contato. A retirada de ingressos acontece uma hora antes do espetáculo, na mesa de convidados da bilheteria, localizada no térreo, próximo da catraca de entrada.


Esta apresentação matinal acessível é uma iniciativa da Fundação Osesp. A orquestra estará sob regência da italiana Valentina Peleggi, que é a Regente em Residência da Osesp para as próximas duas temporadas.


A primeira peça do programa é o “Concerto Para Violino em Mi Menor, Op.64”, de Mendelssohn. Esta é uma das composições para violino mais populares e executadas de todos os tempos. A violinista Sarah Nojosa, aluna da Academia da Osesp, com apenas 16 anos foi premiada no Concurso Jovens Solistas da Osesp e é a solista que encantará o público na apresentação.


Sarah Nojosa é aluna de Emmanuele Baldini, violinista italiano radicado no Brasil e uma das principais personalidades musicais da atualidade brasileira. Ele ocupa a posição de spalla da Osesp, ou seja, o chefe de naipe dos primeiros violinos da orquestra.


A segunda obra a ser executada no espetáculo é o poema sinfônico “Francesca da Rimini”, composição em que Tchaikovsky interpreta sinfonicamente um trecho da “Divina Comédia” de Dante. No livro, Francesca se apaixona pelo irmão de seu cruel marido e acaba condenada devido ao adultério.


No dia do concerto, sugerimos chegar à Sala São Paulo com antecedência de no mínimo uma hora para retirar os ingressos em tempo e conferir uma introdução sobre a sala e o espetáculo. Estes informativos contam com audiodescrição e Língua Brasileira de Sinais (Libras).


Para ter acesso a todo o conteúdo acessível, baixe previamente o aplicativo WhatsCine em qualquer smartphone ou tablet (na Apple Store ou no Google Play) e traga seu fone de ouvido.


Além deste concerto, em breve a Sala São Paulo também promoverá visitas guiadas com audiodescrição e Libras.

Acesso ao Canal Mais Diferenças no Youtube Perfil Mais Diferenças no Twitter Perfil do Mais Diferenças no Facebook Perfil do Mais Diferenças no Flickr
md@md.org.br

Rua Lisboa, 445 – Cerqueira César – São Paulo – SP
Cep: 05413-000 / Fone: 55+ (11) 3881 4610

7